3M Bibliotecas

Sistema de detecção: excelente opção para proteger os itens do acervo da biblioteca contra furtos. São diversos modelos de equipamentos, que podem ser adaptados de acordo com o tamanho e o estilo do ambiente;

Fitas e etiquetas: são fixadas nos materiais do acervo, sendo desativadas a cada empréstimo e reativadas na devolução, a fim de prevenir furtos e perdas;

Acessórios para circulação: inclui acessórios ativadores, desativadores e verificadores para o processamento dos materiais;

Estação de processamento: utilizada para programar etiquetas, com capacidade para registrar vários materiais ao mesmo tempo, e pode funcionar também como processadora de materiais.

Sistemas de gerenciamento com tecnologia RFiD (Identificação por Rádio-Frequência)

Estação de processamento: estações equipadas com equipamento para fazer a gravação de informações nas etiquetas RFiD, possibilitando a conversão dos códigos de barras nos materiais do acervo;

Estação de trabalho: equipamento utilizado em bibliotecas que usam tecnologia EM para segurança e RFiD para identificação dos itens. Possibilita fazer o processamento do empréstimo ou devolução do item identificado com etiquetas RFiD ou código de barras e, simultaneamente, a ativação ou desativação das fitas de detecção EM;

Assistente digital para bibliotecas: dispositivo portátil e manual que lê instantaneamente as etiquetas RFiD fixadas nos materiais. A leitura pode ser feita diretamente das estantes, transformando o inventário e a busca em tarefas rotineiras. Facilita a localização de itens extraviados e a identificação de vários itens simultaneamente;

Sistemas de detecção: oferece opção para prevenção de furtos dos itens do acervo da biblioteca. São diversos modelos, aplicados de acordo com a necessidade de cada biblioteca.

Terminais de auto-atendimento : São sistemas que permitem que os usuários façam empréstimos e devoluções sem precisar da ajuda de um funcionário. Todos os modelos têm interface intuitiva e fácil de operar. Isso garante mais produtividade em bibliotecas de grande circulação e a segurança de que todos os itens sejam retirados e devolvidos corretamente. Operam com materiais identificados por códigos de barras e/ou RFiD e podem desativar ou reativar fitas de detecção EM.